17° Fórum Undime-SC encerra com exemplos práticos trazidos do ambiente escolar

Gabriel José Dalcortivo explicou as práticas exitosas de escola de Caçador

Depois de muita reflexão e debate, o 17° Fórum Undime-SC reservou o último momento do evento, realizado em Joinville, para mostrar os bons exemplos aplicados no ambiente escolar.

As Práticas Exitosas trouxeram trabalhos aplicados com sucesso em escolas de Caçador, Araquari, Xanxerê e Itajaí. Os projetos foram previamente selecionados pela Undime-SC. É a primeira vez que o fórum abre este espaço para que as redes municipais de educação apresentem suas iniciativas inovadoras aplicadas nas escolas.

O primeiro case veio de Caçador, com o Intercâmbio Cultural em Matemática com Kahoot. O representante Gabriel José Dalcortivo explicou que os professores de matemática alinharam o conteúdo do 9° ano, com auxílio dos professores de informática, criaram jogos em formato de quiz de potencialização e raiz quadrada. Foram 32 questões, envolvendo 45 alunos, num período de 90 minutos.

“O resultado foi muito positivo. Os alunos se sentiram mais motivados e engajados”. A meta da escola é expandir o conhecimento a todas as unidades de rede. A ferramenta utilizada foi o Kahoot.

O segundo exemplo veio de Araquari, por meio da prática exitosa “O Sucesso da Escola”.
Ministrada por Débora Rosa Guerim Andrade, trouxe o exemplo da Escola Estadual Prefeito Higino Aguiar, que está em processo de municipalização. A escola atende os quartos e quintos anos.

O plano de ação foi para diminuir o índice de reprovação dos alunos. A secretaria sugeriu que cada unidade escolar tivesse liberdade para organizar o plano.

“Nosso plano veio de forma coletiva da equipe”, contou. O pensamento dos professores era de que para ocorrer a recuperação da aprendizagem não bastaria somente retomar conteúdo, mas revisar repensando no fazer pedagógico, entendendo a construção do conhecimento como um processo. Um dos objetivos era de estimular os alunos a conhecerem outras formas de aprender.

Para isso, os professores receberam um horário para se reunir a planejar juntos as ações dos planos. Como resultado, 100% dos alunos foram atendidos e foi possível recuperar 47 alunos.

Xanxerê trouxe o case de “Empreendedorismo na Escola”, com a apresentação de Elisiane Silveira Menegolla.
Elisiane justificou que o objetivo da ação foi de capacitar professores a promover nos alunos a consciência de ser empreendedor. Houve capacitação dos profissionais, envolvimento das equipes e realização de feiras de emprendedorismo. “Pegamos o projeto e demos a cara do município. Colocamos a não na massa”.

Júlio da Silva, encerrou a manhã com a “Implementação da Gestão Democrática e Participativa”. As ações foram pensadas para aproximar a Secretaria Municipal de Educação com a comunidade escolar. Equipes são deslocadas para cada um dos 8 polos de ensino, como uma secretaria itinerante. “A secretaria se aproxima da unidade”. Júlio também mostrou como funciona a gestão em rede, para discutir processos e realizar planejamentos.

Cerca de 350 profissionais participaram dos três dias de evento.

 

Undime-SC