Alunos de Escola Pública do Interior de Piratuba criam livro didático com histórias do município

Trabalho do terceiro ano do Ensino Fundamental tem facilitado o entendimento do conteúdo e motivado o processo de aprendizagem

As histórias da colonização de Piratuba e o desenvolvimento ferroviário. Páginas da linha da vida, misturadas ao cotidiano de estudantes da Escola Professor Rodolfo Holeveger, da comunidade de Lageado Mariano, no interior de Piratuba.

Na unidade, a turma do terceiro ano encontrou uma forma divertida de aprender história. Seguindo as orientações da professora, a garotada criou um livro didático sobre a trajetória de Piratuba, ao longo do tempo. Pra isso, os estudantes que tem entre oito e nove anos, além de ler e pesquisar, embarcaram na viagem pelo conhecimento, visitando espaços, que ligasse as aulas ao cotidiano. Depois de visitarem locais como a Casa da Memória, e a Estação Ferroviária, o tema ficou ainda mais atrativo.

Para Raquel Rosa, de 9 anos, imaginar uma guerra tão duradoura como a do Contestado, em que um grupo de caboclos lutou contra um exército inteiro, é algo que transcende o conhecimento encontrado nos livros. O prazer em saber mais sobre os acontecimentos do passado, também encantou Eliel Kleemann, de 8 anos. Pra ele o ponto mais interessante foi poder ver uma locomotiva tão antiga ainda em funcionamento, e descobrir que no passado o trem era o que se tinha de mais moderno como meio de transporte.

Depois de tantas experiências vividas, dezenas de recortes e muita colagem, o material finalmente ficou pronto e agora pode ser usado em sala de aula. Mas afinal, onde todo este conhecimento vai parar? Para a professora Marilene Fries, que foi quem desenvolveu a experiência com os estudantes, mais do que tornar as aulas atrativas e facilitar a aprendizagem, tamanho esforço serve, principalmente, para fazer dos pequenos estudantes, seres pensantes e, que no futuro sejam protagonistas de suas próprias histórias.

 

Undime-SC – Com a contribuição da SME de Piratuba.