Em webinário, Instituto Rodrigo Mendes divulga pesquisa sobre protocolos referentes à educação inclusiva durante a pandemia

O estudo envolveu 23 países e organismos internacionais. O objetivo é contribuir com os gestores responsáveis por planejar e implementar políticas públicas voltadas à garantia do direito à educação das pessoas com deficiência

Documento elaborado pelo Instituto Rodrigo Mendes (IRM) fornece orientações para auxiliar os gestores responsáveis no planejamento e na execução de políticas públicas, buscando assegurar o direito à educação das pessoas com deficiência diante do período de isolamento social e no estágio de retomada das atividades escolares de forma presencial, abordando os critérios de retorno; questões sanitárias; e distanciamento social.

O estudo adotou como fonte de informações uma rede de 45 especialistas estrangeiros, protocolos de diversos países, bem como documentos de organismos internacionais, relacionados à educação inclusiva durante o período da pandemia. A divulgação da pesquisa conta com o apoio da Fundação Grupo Volkswagen, Fundação Lemann, Instituto Credit Suisse Hedging-Griffo, Instituto Península, Instituto Unibanco, Itaú Social, Todos Pela Educação e Unicef.

No próximo dia 3 de julho, às 11h (horário de Brasília), o IRM realizará um webinário para a divulgação do documento. A transmissão ocorrerá pelo Facebook e pelo canal do YouTube do IRM e contará com recursos de acessibilidade, como Libras, legendas em tempo real e audiodescrição. Faça sua inscrição.

O superintendente do IRM, Rodrigo Hübner Mendes, vai apresentar a pesquisa e os participantes vão dar seu parecer. Para tanto, representantes das seguintes organizações foram convidados: Priscila Cruz, presidente-executiva do Todos Pela Educação (TPE); Luiz Roberto Liza Curi, presidente do Conselho Nacional de Educação (CNE); Cecilia Motta, presidente do Conselho Nacional de Secretários da Educação (Consed); e Luiz Miguel Martins Garcia, presidente da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime).

Fonte/Fotos: Instituto Rodrigo Mendes

https://bit.ly/2Zwitcf