Parada Pedagógica é destaque para o início do segundo semestre de aulas em Indaial

Na última semana de julho, foi realizada a Parada Pedagógica em diversas escolas e instituições educacionais de Indaial. O evento foi destinado a professores e demais profissionais da área, a fim de promover formações e fornecer novos conhecimento aos participantes.

De acordo com a dirigente Municipal de Educação, a iniciativa envolveu cerca de 1.100 educadores que tiveram a oportunidade de participar de grupos de estudos, além de socializar conhecimentos e apreciar palestras focadas na qualificação e aprimoramento de suas competências.

Para os profissionais da Educação Infantil, durante a manhã ocorreram grupos de estudos em cada unidade para a discussão do Projeto Político-Pedagógico. Já no período vespertino, eles participaram da palestra de abertura do segundo semestre com a doutora em Educação, Luciana Ostetto, no Parque Ribeirão das Pedras.

A EBM Profª Maria da Graça dos Santos Salai também foi sede de algumas formações. Durante a manhã, os professores de Educação Física, da Educação Infantil, estiveram reunidos com o professor Tiago Pereira para falar sobre “Estratégias metodológicas relacionadas ao campo de experiência: Corpo, Gestos e Movimento”, assim como os professores da Educação de Jovens e Adultos se reuniram para trocar ideias com o professor Carlos Odilon da Costa. Na parte da tarde, os educadores que atuam como agentes de biblioteca integraram a oficina pedagógica com Nana Toledo, que abordou a Leitura Literária: livros, autores, ilustrações, espaços e modificações. Já os secretários escolares discutiram sobre sistematização e implementação do regimento interno de suas funções.

Por sua vez, os professores que atuam nas salas de AEE, professores da educação especial e auxiliares de sala estiveram na Uniasselvi, discutindo sobre práticas pedagógicas inclusivas e as contribuições do atendimento educacional especializado.

O Sesi de Indaial sediou, no período vespertino, um encontro dos professores que atuam nas salas de Informática Pedagógica, com a oficina “Linguagem de programação Scratch”.

O Auditório da Secretaria de Educação também contou com formações. Durante o dia, professores dos anos finais, supervisores, orientadores e pedagogos participaram de oficina com Daniela Tomio, sobre socialização de práticas pedagógicas desenvolvidas na rede. Os profissionais foram divididos em grupos: grupo I – professores de matemática, geografia, ciências, inglês e informática; grupo II – professores de português, história, artes e ensino religioso.

UndimeSC, com colaboração da SME de Indaial.