Programa do MEC leva oficinas e esporte a escola catarinense e proporciona benefícios aos alunos

p_trilhas_mais_educacaoO programa Novo Mais Educação tem feito a diferença em um colégio do sul de Santa Catarina. Ao todo, 180 alunos da Escola de Educação Básica Prefeito Quintiliano João Pacheco frequentam oficinas de português e matemática, além de praticar atividades recreativas – como aulas de ginástica, atletismo, judô, capoeira, teatro e dança.

Segundo o articulador do programa na escola, Cláudio Junior Lima Rocha, são vários os benefícios. “Primeiro, porque o aluno permanece na instituição o dia inteiro. São oito horas de reforço, divididas em aulas de português e matemática. Durante dois dias, praticamente, quem tem dificuldades na alfabetização, leitura, escrita ou na matemática pode sanar suas dúvidas.”

Mas a boa notícia não fica somente nos estudos. Na avaliação de Cláudio Junior, o Novo Mais Educação fortaleceu o amor-próprio desses jovens por meio dos esportes. “Percebemos essa mudança principalmente na oficina de judô, que está funcionando há mais tempo e conseguiu um investimento da secretaria de educação também. Hoje, temos alunos que estão participando de competições. O ganho na autoestima deles é visível. O mesmo acontece na ginástica e dança”, completa.

A programação extracurricular permite que os estudantes pratiquem esportes que dificilmente poderiam conhecer de outra forma. “Por se tratar de um município rural, de difícil acesso, que não tem escolas particulares e projetos que envolvam essas atividades, a não ser o futebol, a nossa população e as nossas crianças não tinham acesso a essa diversidade de oficinas”, explica o articulador do programa.

O Novo Mais Educação foi criado em 2016 para melhorar a aprendizagem em língua portuguesa e matemática no ensino fundamental, com a ampliação da jornada escolar de crianças e adolescentes.

 

Fonte: Portal do MEC.