A qualidade da escola brasileira começa dentro de casa

Qual o papel dos pais e da escola na educação das crianças?Existe um provérbio africano, segundo o qual é preciso toda uma aldeia para educar uma criança. Ao mesmo tempo, acredita-se que a qualidade da escola brasileira começa dentro de casa. Agora, é comum ouvir de mães e pais, que a escola fecha a porta para o diálogo, quando se trata da participação ativa da família na construção das ações pedagógicas.

Como contraponto à afirmação, também se acredita que o inverso acontece, ou seja, escolas que cobram e desejam a atuação mais presente da família, mas encontram dificuldades nesse processo, confirmando assim, a ausência de envolvimento de mães e pais na construção de estratégias pedagógicas, que contribuam para o desenvolvimento da aprendizagem e da sociabilidade dos estudantes.

É muito fácil afirmar que, quanto mais as famílias se envolvem com a educação dos filhos e participam da sua vida escolar, melhores são os resultados de aprendizagem. Pode-se dizer também, que essa afirmação é quase consensual no campo educacional e não faltam evidências para embasá-la.

O desafio, nessa outra face da história, como milhões de pais brasileiros preferem terceirizar a educação e colocar toda a responsabilidade sobre os ombros da escola, é romper com a inércia e criar uma agenda positiva, que busque estratégias de aproximação em todos os momentos.

 

Undime-SCCom a contribuição da SMe de São José.