Inscrições prorrogadas para cursos oferecidos pela Fundação Telefônica Vivo e Undime

Parceria entre as instituições oferece cursos gratuitos e certificados por meio da plataforma Escolas Conectadas. Inscrições podem ser realizadas até 25 de setembro

Teacher and students in art class

As inscrições para os cursos da plataforma Escolas Conectadas, que estão sendo oferecidos no âmbito da parceria entre a Fundação Telefônica Vivo e Undime, foram prorrogadas. Os interessados têm agora até o dia 25 de setembro para se inscrever.

Esse é o segundo ciclo de formações a distância da plataforma Escolas Conectadas, ofertado este ano. A iniciativa disponibiliza três cursos. Embora eles sejam complementares, é recomendado que os educadores escolham apenas um neste primeiro momento.

Uma vez inscritos, os participantes podem começar imediatamente. A carga horária das formações ofertadas varia entre 10 e 54 horas, sendo que todos os cursos são autoformativos, ou seja, os educadores têm flexibilidade para gerenciar o tempo de acordo com a sua rotina.

Conheça os cursos oferecidos nesta segunda oferta de 2022:

BNCC, autoria e tecnologias digitais: inspirações para criar e aprender

De acordo com a Unesco, competência digital faz parte das oito competências essenciais para o desenvolvimento no século XXI. Atenta a este movimento, a Base Nacional Comum Curricular (BNCC) incluiu a Cultura Digital como uma das diretrizes curriculares para as escolas brasileiras.

Por esse motivo, abordar a temática se tornou essencial para o exercício da profissão docente. Entretanto, a implementação de uma cultura digital está mais relacionada à pedagogia do que à tecnologia.

Afinal, o objetivo é criar experiências de aprendizagem em que o estudante possa se desenvolver com criatividade e protagonismo. É por isso que essa formação da plataforma Escolas Conectadas integra a BNCC, tecnologias digitais e autoria para direcionar as diferentes etapas, áreas e eixos de atuação dos educadores.

Ao longo das 10 horas de curso, os participantes terão a oportunidade de construir ambientes virtuais de aprendizagem e sistemas para elaborar tarefas, missões e desafios. Além disso, vão aprender a utilizar ferramentas para compartilhar ideias e gerar produções multimídia colaborativas, que vão desde aplicativos até quadrinhos. Saiba mais!

Cidadania digital: educando para o uso consciente da internet

A tecnologia está cumprindo um papel essencial em nos manter conectados no contexto atual, e como parte do cotidiano, também é assunto da escola. Afinal, embora já tenham nascido conectados, os estudantes do século XXI precisam entender seu papel como cidadãos que habitam o meio digital.

Por isso, a formação em cidadania digital busca capacitar os profissionais da educação para abordarem o uso seguro, respeitoso e crítico das tecnologias dentro e fora da internet. O curso, de 48 horas, também ajuda a desenvolver a empatia, o autoconhecimento e a cultura digital nos anos finais e iniciais do Ensino Fundamental.

Pensada em parceria com a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), a ideia é promover práticas pedagógicas transformadoras capazes de sensibilizar crianças e jovens de maneira transdisciplinar. Confira!

Ensino híbrido: como fazer na minha escola?

Segundo resultados da pesquisa TIC Educação 2021, cerca de 90% das escolas representadas no levantamento já oferecem algum tipo de ensino remoto em conjunto com o ensino presencial.

Mesmo antes da pandemia, o ensino híbrido já era debatido na perspectiva de potencializar a educação do século XXI. Hoje, ele é não só uma realidade como uma necessidade.

Sendo assim, os seis módulos deste curso se dedicam a oferecer suporte teórico e prático para que os profissionais da educação possam compreender e aplicar cada modelo de ensino híbrido de acordo com os recursos disponíveis.

O objetivo é considerar as múltiplas realidades brasileiras e propor alternativas que possibilitem a inovação em contextos diversos. Competências como comunicação, cultura digital e pensamento crítico serão trabalhadas ao longo das 54 horas da formação.

Como resultado, a expectativa é que o educador seja capaz de utilizar o ensino híbrido de maneira integrada, contemplando as realidades da escola, dos estudantes e de suas famílias. Acesse a proposta formativa!

2ª oferta de cursos da plataforma Escolas Conectadas
Período de inscrição: até 25 de setembro de 2022
Inscrições: https://bit.ly/undime2-ed-ago-2022

Fonte: Undime com informações da Fundação Telefônica Vivo

https://undime.org.br/noticia/20-09-2022-09-14-inscricoes-prorrogadas-para-cursos-oferecidos-pela-fundacao-telefonica-vivo-e-undime

Compartilhe: