UNDIME-SC realiza Reunião Formativa da BNCC em Joinville/SC

Painel geral da BNCC ministrado pela coordenadora Estadual de Implementação da Base, Sônia Regina Victorino Fachini (DME de Joinville).

Dirigentes Municipais de Educação de Santa Catarina, membros da Diretoria Executiva, Conselho Fiscal e Nacional de Representantes da UNDIME-SC, e técnicos indicados pela Federação Catarinense de Municípios – FECAM foram convocados a participar nesta terça-feira, 11, na Faculdade Censupeg, em Joinville/SC, da Reunião Formativa para Implementação do Currículo do Território Catarinense.

O encontro, promovido pela União dos Dirigentes Municipais de Educação de Santa Catarina -UNDIME-SC, teve por objetivo abordar questões relacionadas à Base Nacional Comum Curricular – BNCC, além de apresentar como será o processo de Implementação do Currículo Base Catarinense, que deve ser aprovado na próxima segunda-feira, 17, pelo Conselho Estadual de Educação – CEE.

Considerações da presidente da UNDIME-SC, Patrícia Lueders (DME de Blumenau), na abertura do encontro.

“Tivemos a preocupação de reunir os representantes dos municípios catarinenses, juntamente com as equipes que irão atuar na implementação do currículo nas regionais, para orientá-los sobre como funcionará a logística de trabalho nos municípios, que têm total autonomia para adaptações dos currículos e organização das formações locais, além de fornecer subsídios para que eles possam estar atuando como disseminadores de informações em suas regiões”, explica a presidente da UNDIME-SC, Patrícia Lueders (DME de Blumenau).

Os profissionais foram divididos em grupos de estudo, que possibilitou o aprofundamento dos componentes da Educação Infantil (G1), Alfabetização (G2) e Ensino Fundamental I e II: Componentes Curriculares (G3), sob o comando dos redatores e coordenadores de etapa do Currículo do Território Catarinense.

De acordo com a coordenadora técnica do município de Indaial, Priscila Elaine Ehrat Cardozo, o encontro serviu pra dar mais segurança nos próximos passos. “O sentimento que fica é de aproximação. Agora conseguimos ver a Base de outra perspectiva, e não como uma referencia distante, para trabalhar na nossa rede com mais certeza e confiança de chegar aos profissionais que estão no chão da escola e conseguir repassar tudo o que vivenciamos aqui”.

Para a coordenadora Estadual de Implementação da Base, Sônia Regina Victorino Fachini (DME de Joinville), as redes de ensino têm papel fundamental na implementação do currículo. “É necessário engajamento de todos, pois será um processo contínuo que exigirá o comprometimento dos educadores ao longo dos próximos anos. O resultado trará mudanças nas políticas educacionais, não só de  currículo, mas se estenderá a formação de professores, processos avaliativos e materiais didáticos”.

O Currículo do Território Catarinense foi construído em regime de colaboração entre a União dos Dirigentes Municipais de Santa Catarina – UNDIME-SC, Secretaria de Estado de Educação – SED, União Nacional de Conselhos Municipais de Educação – UNCME, Conselho Estadual de Educação – CEE e Federação Catarinense de Municípios – FECAM. O documento já foi entregue ao CEE, no dia 28 de maio, para análise final e deve ser aprovado na próxima semana, após a emissão do parecer técnico da Comissão Especial.

Com isso, os 295 municípios terão um documento em conformidade com a determinação do Ministério da Educação, que prevê um currículo essencial alinhado à BNCC que, por sua vez, incorporado aos documentos e diretrizes já constituídos por cada município, seja capaz de garantir a equidade dos estudantes brasileiros.

A expectativa é que até o fim do ano o novo currículo já esteja em aplicação em todas as escolas catarinenses.

Confira, abaixo, mais fotos do encontro:

 

Por Bruna Carvalho
Undime-SC